Pages Navigation Menu

Jornadas locais de Escolas Católicas teve lugar em Calvão

Como é que a Escola Católica anuncia o Cristo VIVO?

O Colégio do Calvão acolheu, no passado sábado 3 de fevereiro, mais uma edição das Jornadas Locais das Escolas Católicas com presença de docentes e alunos das dioceses de Aveiro, Coimbra, Guarda, Lamego, Vila Real e Viseu.

Com a temática “Semeadores da esperança” esta iniciativa, da responsabilidade do Departamento das Escolas Católicas (DEC) do Secretariado Nacional da Educação Cristã (SNEC) acontece após a realização das I Jornadas Interdiocesanas das Escolas Católicas que decorreram nas dioceses de Setúbal, Porto, Viseu e Leiria-Fátima cujo balanço é muito positivo:

“Na primeira iniciativa do género, no ano passado, estivemos em quatro dioceses onde reunimos mais de 600 professores de mais de 100 escolas católicas de todo o país”, recorda Elisa Urbano coordenadora nacional do DEC.

Para esta responsável a edição 2018 das Jornadas Locais das Escolas Católicas “acontece naturalmente tendo em conta as avaliações que recebemos da parte dos participantes”.

“Dentro desta nossa preocupação de crescer em comunhão para assim irmos discernindo novos caminhos para a escola católica realizar a sua missão, este ano criamos as «Ousadias Júnior», dedicadas aos nossos alunos do 9ºano e que decorrerão em simultâneo com as dos seus docentes”.

O tema escolhido, «Semeadores da Esperança» reflete sobre a recente Carta Pastoral da Conferência Episcopal para o setor da Educação Cristã:

“É missão da escola católica que todos os momentos de formação, convívio e partilha, sejam para os nossos educandos verdadeiras experiências de encontro com a Pessoa de Jesus Cristo. Só este encontro pessoal transforma o olhar sobre os outros, sobre o mundo, sobre a vida. Então, estaremos a educar verdadeiros cristãos, construtores de uma sociedade cada vez mais divina porque mais humana”, sustena Elisa Urbano.


RESUMO DAS JORNADAS

Conferência

D. António Moiteiro, bispo de Aveiro, e presidente da Comissão Episcopal da Educação Cristã e Doutrina da Fé (CEECDF), proferiu uma conferência subordinada ao tema «Como é que a Escola Católica anuncia o Cristo Vivo?» O prelado destacou a importância de “Educar para as diferentes visões da vida” e para “o bem comum”.


Eucaristia

Na eucaristia a que presidiu D. António Moiteiro apresentou, na sua homilia, duas atitudes fundamentais para as Instituições de Ensino Católico: Sabedoria e compaixão!

Galeria de imagens

 


 

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

  • Facebook
  • Google+
  • Twitter
  • YouTube