Pages Navigation Menu

Pablo D’Ors apresenta novo livro na paróquia da Vera-Cruz

Paróquia da Vera-Cruz, Aveiro, acolhe o teólogo Pablo D’Ors e o lançamento do seu mais recente livro 

No próximo dia  30 de outubro, quarta-feira, pelas 21h30, a paróquia da Vera-Cruz, na diocese de Aveiro, acolhe uma vez mais Pablo d’Ors e vai ser o palco para o lançamento da mais recente obra “O Amigo do Deserto”, da Quetzal Editores.

O lançamento nasce de uma parceria entre a Paróquia e a Livraria Santa Joana que apresentará o livro no salão paroquial, onde em setembro de 2018 o autor já tinha estado a abriu um ciclo de conversas abertas, “valorizando o tema do silêncio e da meditação e confirmando um caminho paroquial de valorização da espiritualidade como forma de vivência da fé”, explica o pároco João Alves.

“A partir daí constituiu-se na Paróquia um grupo de meditadores segundo a proposta dos Amigos do Deserto, associação de meditadores por ele fundada”, sublinha.

Com a publicação deste novo livro surge a continuidade de uma temática de alcance espiritual e a paróquia tem vindo a apostar em propostas culturais dentro de uma reflexão espiritual e cristã. Fruto da amizade de Pablo d’Ors com Aveiro (onde já esteve duas vezes) propôs-se à Quetzal a Vera-Cruz ser o palco de acolhimento para lançar esta recente obra e envolveu-se depois a Livraria diocesana para uma noite de alcance literário e cultural.

Com estas iniciativas o padre João Alves adianta ainda que, no seguimento da visita pastoral do Bispo no ano 2017, em que pedia um maior diálogo com a cultura, a paróquia tem vindo a procurar afirmar uma opção mais clara e estruturada nesse âmbito e diálogo.

“Algumas ações têm sido desenvolvidas desde aí, desde concertos, tertúlias, semanas interculturais, turismo a partir do património religioso, valorização da arte sacra e iniciativas de street art com várias expressões artísticas e ainda algumas exposições temáticas.

Antecipo ainda que nesta fase está a constituir-se uma equipa para o desenvolvimento de um projeto cultural de nome “Porta da Fé” que procurará ser uma porta de diálogo entre fé e cultura”, explicou o pároco.


 

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

  • Facebook
  • Google+
  • Twitter
  • YouTube